Publicado por: inwhitelight | 25 de Fevereiro de 2009

Laurear a pevide!

Laurear a pevide!

Laurear a pevide? Mas que raio é suposto esta expressão querer dizer?

Comecei a ouvir isto há cerca de dois meses no meu emprego. As mais preguiçozinhas iam dar a sua voltinha e as outras diziam: “Foste laurear a pevide?” . E eu achava um piadão, mas como mulher de Letras que sou, não sabia de onde vinha a expressão.

Quando alguém não sabe alguma coisa, o que é que faz? Vai ao google!

Aparece o site de ciberdúvidas que esclarece o seguinte: “A expressão tem duas variantes «larear a pevide» e «laurear a pevide». Larear é o mesmo que andar ao laré, ou seja, «vadiar», «não fazer nada», e pevide significar «nada», «cu», «rabo». Quanto a laurear, trata-se de uma variante de larear.”

Isto a mim soa-me ao mesmo que andar a passear o rabo. Pevide é que é estranho…a mim pevide lembra-me as coisinhas de massa que se deita na canja.

E até onde se pode ir com uma expressão destas? É que eu na segunda feira dia 23 de Fevereiro, li um artigo no Jornal Correio do Minho, que dizia o seguinte:

“O Prado marcou dois golos no início do jogo face ao Limianos e o resto do jogo foi só laurear a pevide.”

Ora a mim mete-me impressão ver isto num sub-título de um jornal por mais “cool” que ele queira soar… se os meus “profes” de Jornalismo na Universidade me vissem a escrever tal coisa, tinham um trocinho!!!

Agora vou colocar uma música que não tem nada a ver com nada mas é só para testar esta coisa de pôr músicas no WordPress.

Obrigada Silva!

http://www.fileden.com/files/2009/2/25/2338187/00.iwl

Anúncios

Responses

  1. Por acaso também já ouvi a expressão e não sabia o que significava! Tem o que se lhe diga, tem… 😉

    beijinho

  2. LOL! Pois, eu também não faço ideia do porquê nem da lógica da expressão!

  3. o laurear a pevide significa uma pessoa que basicamente foi não sei a onde dar uma volta e não fez nada….

    confesso que a uso com muita frequência!

  4. Ora essa :p

    Nos meus tempos de escrever sobre bola, preferia expressões mais coloridas como “ver a relva crescer” ou “ver as mulheres dos outros na primeira fila”. Agora acrescentaria “pensar no que levar da loja sem pagar”, mas deixei de escrever.

    Mas vá, agradece por não usarem “coçar o esquerdo”. Quem vê certos artigos nos jornais desportivos, pensa que pouco falta :p

  5. O Silva sabe das coisas! É um espectáculo, é o que é! (por muito que ele o negue)


Categorias

%d bloggers like this: